17 de outubro de 2018

EPAMA

Noticias

Monitoramento Ambiental Semestral.

O monitoramento ambiental é um instrumento de controle e avaliação. Serve para conhecer o estado e as tendências qualitativas e quantitativas da qualidade das águas subterrâneas e as influências exercidas pelas atividades humanas sobre o meio ambiente.
Segundo as orientações da CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), o monitoramento ambiental deve ser realizado semestralmente, coincidentes com os períodos de maior (março e abril) e menor (setembro e outubro) pluviosidade.
Esse monitoramento ambiental é exigido em alguns casos, sendo eles:

Após a etapa de investigação confirmatória quando não existirem plumas de contaminação, inicia-se o processo de monitoramento para encerramento do caso junto ao órgão ambiental;
Posteriormente, a etapa de investigação detalhada e plano de intervenção, caso não seja necessária medidas de remediação, inicia-se o processo de monitoramento ambiental semestralmente, coincidentes com os períodos de maior (março e abril) e menor (setembro e outubro) pluviosidade, para encerramento do caso junto ao órgão ambiental;
Durante o processo de remediação ambiental, deve ser realizado os monitoramentos semestrais para acompanhar a evolução das concentrações até o atingimento das metas de remediação;
Após a etapa de remediação, inicia-se o processo de monitoramento para encerramento do caso junto ao órgão ambiental.

O órgão ambiental do Estado de SP, ou seja, a CETESB, normatiza esses monitoramentos, bem como, as técnicas a serem empregadas.
Para saber mais entre em contato conosco:

[email protected]
Skype: oliveira.lima.ambiental
Facebook: https://www.facebook.com/oliveiralimaconsultoria/
Site: http://www.oliveiralimaambiental.com.br
Twitter @ollimaconsultor
https://www.youtube.com/channel/UCTrAY1qrTS7gwIxKjnsSB1A

Facebook

Siga-nos no facebook

Publicidade

Assine nossa Newsletter e receba nossas notícias GRATUITAMENTE!
Assinar